27 de jun de 2014

SUTIÃ À MOSTRA: O CERTO E O ERRADO

Hoje meu papo é puramente com as meninas. Vamos falar de um assuntinho que muito me intriga, sutiã! Primeiro que é um treco que incomoda pra caramba, mas confesso que sou super dependente dele. Me sinto nua sem o mesmo. Já que ele é algo que nós mulheres, muitas vezes nos obrigamos à usar, ele tem que ser bonitinho, arrumadinho e na minha humilde opinião não aparecer.

Como combiná-lo? Mostrar ou não mostrar? (sexta, no globo repórter... mentira aqui mesmo e hoje kkk).
Juro que fiquei chocada quando vi essas imagens da minha amada Kim. Como uma mulher linda, ryca, com um marido gato e com esse conjuntinho branco divino se presta à um papel desses? Esse sutiã (mesmo sendo lindo) aparecendo é um exemplo do que não fazer!
O look dessa menina tá lindo, até percebermos esse humilde sutiã aparecendo na transparência desse cropped. Por que??????? D:
Quando eu penso que já vi de tudo em um tapete vermelho, eis que me aparece uma loira gata com um vestido mais gato ainda e lá está o dito cujo. QUE COISA MAIS HORROROSA!!! Avisem pra ela.
ps: olhando mais minuciosamente, acho que essa guria queria chamar atenção mexxxxmo, por que dava pra dá uma puxadinha para baixo de boa e não deixar o sutiã aparecendo, mas ela preferiu causar, né? Fazer o quê.

Mais ideias que não devemos imitar!
Não sei se vocês sabem, mas não gosto de transparências justamente por isso. Fica uma coisa nada delicada, ainda mais sendo esse vestido super fofo. Ari Graynor pecou demais na escolha desse sutiã, nesses casos prefira uma camiseta segunda pele e use por baixo.
Isabeli Fontana DIVA com esse sutiã para fora. Isso pode copiar, mas antes tenha senso para saber se você seguraria um look assim com louvor. Tudo aí ornou para o sutiã, ficou lindo, feminino, sexy... mas tenha cuidado!
E como outro exemplo de ''pode copiar'', não posso deixar de citar a rainha do sutiã para fora, Nathália Dill em sua personagem Débora, na novela Avenida Brasil #sddsCarminha. A atriz fez essa moda virar febre entre a mulherada, o que nos libertou de certa forma da escravidão da alça de sutiã, claro que devemos ponderar as coisas, mas acho que ninguém aqui vai mais errar com as dicas do pode e não pode do post de hoje, né? hehehe

Bom final de semana, meninas. Beijinhos.

Aline Paulino.