28 de jan de 2013

JÁ CONHECE A KARINE ROSA?


''Tem tanta gente interessante por ai querendo entrar. Deixa, deixa entrar: na vida no coração, na cabeça'' diferente do que já vimos por ai, esse trecho acima não é do Caio Fernando de Abreu, eu mesma já o vi assinado com o nome do Caio, mas não, esse trecho é de um texto dela, da linda e encantadora Karine Rosa, que eu venho lhes apresentar aqui no blog hoje :). Ela tem um blog que se chama Isso não é um diário e também  escreve pro blog da Bruna Vieira, o Depois dos quinze, esse eu garanto que todas vocês conhecem né! Os textos dela são simples, daqueles que tocam bem no fundo do coração, que você sempre vai conseguir se encaixar em alguma parte. Demonstrando o quão atenciosa ela é, topou responder umas perguntinhas que eu fiz, vamos conferir:
  • O que você sente quando sabe que ajudou alguém através de um texto seu?
Eu fico feliz! Sério, dá uma sensação ótima saber que uma coisa que você escreveu sem propósito nenhum, no seu quarto, em um dia qualquer, tem efeito positivo na vida de outra pessoa. Sei lá, dá mais sentido pra coisa toda. 
  • Você concorda que a melhor parte de escrever é que você pode ''viver'' varias historias, sem necessariamente você ter vivido isso?
Acho bem legal essa coisa de "viver outras vidas" em textos, mas não sei se eu diria que essa é a "melhor parte" em escrever. Pra mim, o que sempre me atraiu na escrita, tanto nos meus textos de amor e comportamento, quanto na escolha pra ser jornalista, foi o fato de poder contar histórias. Reais ou fictícias, mas histórias que as pessoas vão ler, prestar atenção, usar como inspiração, se emocionar etc. Acho que é isso que eu considero a melhor coisa de escrever. 
  • Uma banda preferida, um filme, um livro?
Não tenho uma banda preferida, mas curto muito Maroon 5. Filme? Sou apaixonada por Pearl Habor e Diário de uma paixão. E não é exatamente meu livro preferido, mas é um que eu já li e reli algumas vezes de tanto que gosto: Três Metros Acima do Céu. 
  • Tem alguma frase/lema pra vida?
Não tenho um lema de vida, mas meu lema de 2013 é: "Seja feliz!". Na vida, acho que meu lema é dar risada mesmo quando a coisa aperta, rir da desgraça ajuda a amenizar a situação. 
  • Uma mensagem de incentivo pra quem assim como você gosta de escrever sobre assuntos do coração?
Vá em frente. Se é algo que você realmente gosta (e não uma modinha de momento), vale o esforço para alcançar o que você quer. Leia bastante e nunca ache que não tem mais o que melhorar. Acho que é isso.



Então, ficaram com vontade de conhecer um pouco mais dos textos dela? Eu já tenho o meu preferido, é esse Aqui, então visita lá o Blog e curta muito amor *o*







Nenhum comentário:

Postar um comentário