20 de nov de 2012

VAI COM DEUS, ADEUS!

Eu sempre escrevi sobre você meio que ocultamente, quem ler textos meus hora imaginava que eu era apaixonada por um alguém que é companheiro, é amigo, ou pensava que eu sofria por esperar alguém que não iria voltar, mas hoje quero falar abertamente. Eu não te esqueci, mas eu te superei, e superei de tal maneira que quando penso em você me vem um sorriso tão grande nos lábios, as vezes até vou na frente do espelho e digo, passou, já era, vai com Deus, adeus!


Até uns meses atrás eu pensava que não poderia desistir de você jamais porque se não eu estaria tornando mentira todas aquelas vezes que eu disse eu te amo ou quando dizia que queria um futuro com você, em alguns momentos eu ate forçava uma tristeza ao pensar em você como forma de mostrar pra mim mesma que tinha sentimentos , eu ouvia por acaso uma musica e ia tentando lembrar de cada detalhe do dia em que você me mostrou a mesma , no meio das tentativas de lembrar dos detalhes sempre me canso. Hoje sei que só porque eu não fico triste quando penso em você não significa que não vou ter sentimentos, tenho sim, os mais lindos possíveis, é que eu sempre fui assim, a intensidade que eu me dedicava a algo eu poderia multiplicar por mil e esse seria o tempo que eu levava para deixar elas saírem da minha vida sem me sentir desapegada ao falsa comigo mesma.

Então, obrigada por todas as suas atitudes que me mostraram que mereço algo bem melhor, com você eu aprendi que posso fazer um milhão de coisas para que alguém goste de mim, mas se ela não quer gostar, nada que eu faça vai importar, e que pessoas assim não devem fazer a mínima diferença na minha vida, elas devem ser como você é agora, apenas mais um rosto no meio de milhões de desconhecidos.





Nenhum comentário:

Postar um comentário